13 de junho de 2010

Internamente improvisado

"Se meus olhos mostrassem a minha alma, todos, ao me verem sorrir, chorariam comigo."Kurt Cobain.



A cada pessoa que conhecemos, conclusões são tiradas, precipitadamente ou não. Algumas vezes palavras ou gestos mal interpretados podem mudar tudo, ou então podem dar início a algo que antes julgávamos impossível. Assim é que são formados os sentimentos de amizade, amor, admiração, lealdade ou apenas respeito, assim como tantos outros.
Mas às vezes, acabamos por cair numa rotina de reações que nos tornam tão iguais, que esquecemos que de uma hora pra outra, tudo pode se tornar fora de nossos planos, esquecemos que somos humanos e, portanto, imprevisíveis, por mais que isso insista em não ser tão aparente e nem tão habitual.

“Mas você era só mais um desses seres, humanos demais, dos quais eu já estou cansada. E será que por mais quanto tempo irei fingir que está tudo bem, quando na verdade, eu queria apenas abrir os olhos, e acordar?”

Nenhum comentário: